1º dia do Monte Bello Brasileiro Pro 2021 de Surf foi marcado pelas difíceis condições climáticas

Foto @lucianosombrio da @torrica_photosurf

R$ 20.000,00 e pontos preciosos para o ranking estão em jogo

A qualidade técnica prevaleceu mesmo com clima adverso no primeiro dia do, Família do Surf apresenta, Monte Bello Brasileiro de Surf Profissional 2021. As disputas na praia dos Molhes, em Torres (RS), contaram com um fator complicador para os atletas, organização e o publico. O forte vento nordeste que não deu trégua e proporcionou grandes variações na formação das ondas nesta quinta-feira (30/09) dentro do tempo das baterias colocou a prova, além da técnica, a resistência dos competidores.

Foto @lucianosombrio da @torrica_photosurf

Os olhos do Surf profissional brasileiro estão voltados para Torres até o sábado (02/10), quando finaliza a quarta etapa do circuito nacional, primeira no Rio Grande do Sul. Além de alguns dos principais nomes do Surf no Brasil, o evento conta com a presença de atletas da Argentina e Perú. O líder do ranking, Krystian Kymmerson (ES) vai para a água na décima bateria do segundo round, nesta sexta-feira (01/10). Já o gaúcho mais bem colocado no certame, Ricardo Kjelin, entrará na disputa da bateria nº 14. As disputas reiniciam às 9h (01/10) com a sétima bateria do segundo roud, que tem os atletas Igor Moraes (SP), Marcio Farney (CE), Luy Arman (RS) e Gustavo Borges (RS).

O evento, que conta com o patrocínio máster da FreeSurf, Casa São Paulo Magazine, está sendo transmitido ao vivo pelo site da Liga Rio-Grandense de Surf www.lrsurf.com.br/ao-vivo. Além de 2.000 pontos no ranking está em jogo uma premiação de R$ 20.000,00 (vinte mil reais).

Foto @lucianosombrio da @torrica_photosurf

A organização preparou duas ações especiais: a participação do Projeto Surfar, que incentiva o ingresso de crianças e adolescentes no Surf, além de um grande Desafio Ambiental, que será realizado no sábado (02/10), às 11h, pelos integrantes do Projeto Praia Limpa, junto ao evento nos Molhes, em Torres (RS). Toda a população e competidores estão convidados para participarem das ações, mas é preciso observar os protocolos de distanciamento social e o uso de máscara. O objetivo da atividade com o Praia Limpa é promover um ambiente mais limpo e um oceano com menos plástico. Em caso de chuva a ação poderá ser cancelada.

O patrocínio é da Lummertz Imóveis; Restaurante Cantinho do Pescador; Redemac Bomagg Materiais de Construção; Kruger Aluguéis; Organic; Datateck; Marivan Surf Skate Shop; Dado Bier; Pizzaria da Praia; e Bepo a marca que você confia. Os co-patrocinadores O The Sun Beach Lounge; Simões SurfBoards; Celu Service; Licenciar Consultoria Ambiental; Subway; Chilli Beans; Open Internet; Sea Life Farmácia de Manipulação; DS Skate Shop; Singe; Da Rocha Laboratório de Análises Clínicas; Ohana Surf Wax; Banana Wax; e Bamboo. O apoio é da ULBRA; A Furninha Hotel; Ouem; Complay; Half Human; e Prefeitura Municipal de Torres, através das secretarias de Turismo, e de Cultura e Esporte. A Supervisão Técnica é da Associação Gaúcha de Árbitros (AGA) e da Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP). A realização é da Liga Rio-Grandense de Surf com o apoio da Associação dos Surfistas de Torres (AST).

 

Gabriel de Mello

Vice-presidente da Liga Rio-Grandense de Surf

51 999429922